A figura do whistleblower também conhecido como whistleblower, tornou-se muito importante no mundo da compliance especialmente no contexto empresarial. Este papel, embora essencial, também enfrenta desafios, principalmente em termos da proteção concedida ao indivíduo.

Quem é um denunciante?

A denunciante é uma pessoa que detecta irregularidades ou má conduta na sua organização, seja ela uma empresa, um organismo público ou outra instituição. Esta comunicação pode ser efectuada a nível interno, se a empresa dispuser de um sistema adequado canal de denúncias e externamente, através dos meios de comunicação social ou das autoridades competentes.

É importante distinguir entre um denunciante e um denunciado. Embora a denúncia de irregularidades exija geralmente a identificação do denunciante, o conformidade permitem, e por vezes encorajam, a denúncia anónima.

Relevância dos denunciantes

Estes alertas são vitais para as empresas porque permitem a deteção precoce de acções ilegais ou contraproducentes, evitando assim possíveis sanções e danos à reputação da organização. Para a sociedade, os denunciantes têm desempenhado um papel crucial na denúncia de corrupção, abusos e outros actos ilícitos.

No entanto, a decisão de denunciar não é fácil. Os denunciantes são frequentemente objeto de represálias, que vão desde o despedimento a ameaças. É aqui que o lei de proteção dos denunciantes de corrupção em Espanha, que visa garantir a segurança e a confidencialidade dos denunciantes.

Que proteção jurídica existe?

A lei 2/2023 que transpõe a diretiva europeia relativa à denúncia de irregularidades, estabelece medidas de proteção dos denunciantes. Entre elas, a aplicação obrigatória de um canal de reclamações em organizações com mais de 50 trabalhadores, bem como a proibição de represálias contra eles. Esta lei é essencial para garantir que os denunciantes tenham o apoio de que necessitam para denunciar uma conduta incorrecta sem receio de retaliação.

Para garantir que uma organização cumpre estes requisitos, é aconselhável optar por um software específico para o canal de denúncia de irregularidades. Estes instrumentos garantem aspectos cruciais como a confidencialidade dos informadores e permitem a denúncia anónima.

Conclusão

A figura do denunciante é essencial para garantir a integridade e a transparência nas organizações. A sua proteção jurídica é uma parte fundamental da promoção de um ambiente em que as pessoas se sintam seguras para denunciar irregularidades.

Tópicos relacionados

trusty report whistleblowing

Trusty Free
Software gratuito de denúncia de irregularidades

Conformidade fiável com a diretiva da UE relativa a denúncias e com a legislação dos EUA relativa a denúncias.

Instantáneo. Seguro. Sin complicaciones.


CONSIGUE Trusty ¡Gratis!

También puedes registrarte en Trusty directamente a través de WordPress:


wordpress whistleblower hotline